Publicação
UM SETOR DE TODO O BRASIL


POR PAULO HARTUNG
Economista, presidente-executivo da Indústria Brasileira de Árvores
(IBÁ), membro do conselho do Todos Pela Educação, ex-governador
do Estado do Espírito Santo (2003-2010/2015-2018)


O futuro depende de uma concertação no planeta. O
mundo já não aceita mais o antigo modelo de negócio
e está claro, a partir dos anseios da sociedade,
que o cuidado socioambiental não pode ficar apenas
na retórica. Potências como EUA, Alemanha e China estão se
movimentando rumo a uma economia de baixo carbono. Quem
não acompanhar, ficará para trás.
O setor de árvores cultivadas tem sido protagonista nessa
economia verde, demonstrando capacidade de organização e
planejamento, cujos benefícios não ficam reduzidos aos muros
das companhias.
Neste exato momento, por exemplo, em que economias estão
abaladas e o desemprego avança, a indústria de base florestal
mostra sua força e tem R$ 35,5 bilhões de investimentos em andamento
ou anunciados em florestas, fábricas, ciência e tecnologia.
Mesmo no período de recessão e baixo crescimento entre os
anos 2016-2019, o setor investiu outros R$ 18 bilhões.

Leia mais no PDF
Anexos

PDF | 566 Kb

 

Esta publicação fala sobre
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

O Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009